27 de julho de 2011

O POETA DO TERÇO DOS HOMENS MÃE RAINHA MOSSORÓ-RN



Houve um tempo em que o homem
Não sabia nem rezar
Mas todo dia batia ponto
Na mesa de um bar
O terço era palavra
Que só ouviam falar

Parece que a igreja
Era só pra mulher solteira
Porque o marido ficava em casa
Fazendo um monte de besteira
O homem era fracassado
A mulher era guerreira

Mas no plano de deus estava
Que iria chegar o dia
Em que homens e mulheres
Não se dividia
Deus deu essa missão
A nossa mãe Maria

E assim Maria fez
Pra cumprir sua missão
Retirando da sarjeta
No mistério da oração
Para resgatar o homem
Quebrando o gelo do coração

Tirando a ilusão
Do homem que acreditava
Que a igreja era prisão
Que só prejudicava
Não percebia que o mundo
Era quem escravizava

E com amor Maria
Nos deu toda atenção
Fez o fraco ficar forte
Levantando ele do chão
Pra cristo sair do céu
Vim morar no coração

Aos poucos as igrejas
Foi ficando diferente
As vozes agradeceram
Mais forte e com mais gente
De uma coisa tenho certeza
O diabo não ficou contente

O homem que dividia
Foi começando somar
E assim como Maria
Foi aprendendo amar
Colocando Jesus cristo
Sempre em primeiro lugar

Hoje estamos vendo
Como tudo mudou
O homem estava perdido
Mas com cristo se encontrou
A igreja que era vazia
Hoje em dia lotou

O homem está se libertando
Daquelas tristes senzalas
O homem que só ouvia
Hoje o diabo é quem se cala
Porque fizemos do terço
Um colete a prova de bala

Espero que vocês
Não queiram voltar atrás
Tomem posse da certeza
Só em cristo temos paz
E com o pouco que somos
Com deus seremos mais

Valeu terço dos homens
Hoje somos guerreiro
Porque na nossa batalha
Jesus cristo é o primeiro
Nosso escudo protetor
Que nos livra por amor
Da dor que nos consomem
E junto com Maria
Podemos gritar neste dia
Viva o terço dos homens.

Saudações Fraternas.
José Roberto.